sábado, 30 de março de 2013

Vivendo na Escuridão-Capítulo 87

-Ok.
-Pensa um pouco.
Alexandra deixou a sala da biblioteca.
Renata começou a desembalar as caixas de livros. Ela achou o que procurava em várias delas.
A menina pego alguns livros. E foi para o seu quarto.
-Posso entrar? - perguntou Tiago.
-Minha mãe falou com você?
-Sim.
-Então, creio que você tem algo  a me dizer.
-Tenho.
-Diga.
-Por que você está fazendo isso comigo?
-A pergunta não é essa.
-O quê?
-O certo seria: por que você está fazendo isso comigo?
-O que você está querendo dizer?
-Desde que você saiu de casa esqueceu que tem uma filha. Você só tem me ignorado, não procura saber de mim, nem nada. - disse Renata. - Isso doí, magoa. Sabia?
-Eu fiz isso?
-Fez.

Vivendo na Escuridão-Capítulo 86

-Acho que agora vocês que precisam conversar. - disse Alexandra. - Com licença.
Ao perceber  que a mãe deixava seu escritório. Renata entrou na biblioteca, mas Alexandra foi mais rápida e percebeu que a filha havia escutado a conversa.
Ela foi até a biblioteca.
-Você ainda vai escutar o que não deve ou o que não quer. - disse Alexandra.
-Você percebeu?
-Acho que sim.
-Foi mal.
-Já que você escutou a conversa mesmo, que tal você dar uma chance ao seu pai?
-Em nenhum momento eu disse que não queria conversar com ele.
-Também acho que você precisa conversar com ele. Ficar guardando tudo para si mesma não tem te feito muito bem.
-Fala para ele me procurar depois. Agora eu preciso  procurar alguns livros.
-Aproveita para arrumar tudo.

Vivendo na Escuridão-Capítulo 85

-Melissa, não se mete nisso. Não tem nada a ver com você.
-Tiago, ela só quer ajudar. - disse Alexandra.
-Só estou querendo ajudar, porque eu não aguento ver a sua filha sofrendo.
-Não se preocupa, eu sei cuidar muito bem da minha filha.
-Não é o que parece. - disse Melissa. - Não sei se você percebeu, mas ela está evitando falar com você.
-Melissa, você está querendo ver coisas que não existem.
-Tiago, ela tem razão. A Renata tem ficado muito incomodada com suas visitas aqui e também tem evitado falar com você.
-Por quê? - Tiago pareceu não entender porque a filha estava fazendo aquilo.
-Isso você vai ter que perguntar para ela.- respondeu Alexandra.
-Será que seria uma má ideia eu ir falar com ela agora?
-Sinceramente eu não sei.
-Melissa, o que você acha?
-Espera, deixa ela se acalmar.

Vivendo na Escuridão-Capítulo 84

-Por favor, muda essa cara. Eu odeio te ver assim. - disse Melissa.
-Se você conseguir um jeito de fazer isso.
-A gente já conversou sobre isso.
-Então me responde: se ela não quer voltar com ele, porque ela faz isso?- Renata disse baixinho, só para Melissa escutar.
-Essa é a última vez que eu tento de explicar: esquece tudo que eles fazem, isso não tem nada a ver com você.
-Como?
Melissa deu um abraço em Renata.
-O almoço está servido. - anunciou Julieta.
-Vamos  antes que esfrie. - disse Alexandra.
O almoço foi tranquilo.
Todos conversaram muito e trocaram muitas risadas. Apenas Renata não parecia estar muito feliz.
Mais ou menos duas horas depois do almoço, Alfredo e Eleonor chegaram. Para fazer uma visita.
Após conversar com os avós, Renata foi até a biblioteca que estava sendo montada.
Ela ia atrás dos livros que o avô havia deixado.
Enquanto Renata ia até a biblioteca, ela escutou os pais e Melissa conversando.
-Ela está gostando cada vez menos de ver vocês dois juntos.

quinta-feira, 21 de março de 2013

Vivendo na Escuridão-Capítulo 83

Melissa estava estudando.
-Ela não cansa de estudar? - Renata perguntou para mãe.
-Você deveria fazer o mesmo.
Melissa parecia não prestar atenção no que Renata estava dizendo.
-Melissa?!
Ela não respondeu.
-Melissa! - gritou Renata.
-O que foi?
-Em que planeta você estava.
-Me perdi nos meus pensamentos.
-Não duvido muito.
-Deixa a Mel em paz e vamos começar logo com isso. - disse Alexandra.
-Pelo jeito não vou ter como escapar disso.
-Não.
Renata ficou horas estudando, com a mãe ao seu lado tirando suas duvidas e auxiliando-a no que era preciso.
-Posso parar? - Renata estava cansada de tanto estudar.
-Sim. Está quase na hora do almoço.
A campainha tocou.
-Quem é? - a menina perguntou.
-Seu pai.
Renata se desapontou.
Melissa percebeu que a garota não gostou da visita.

Vivendo na Escuridão-Capítulo 82

-Não se compara com ela, vocês são pessoas totalmente diferentes.
-Mas é a verdade.
-A verdade é que a Beatriz não é a melhor filha do mundo e muito menos  uma aluna exemplar.
-Como não?
-Se você visse as notas dela, você se perguntaria como ela chegou ao último ano da faculdade.
Renata riu.
-Eu tenho meus palpites.
Alexandra entendeu o que a filha estava querendo dizer.
-Como você consegue pensar isso da sua irmã?
-Simplesmente pensando.
-Vai fazer alguma coisa mais proveitosa do que pensar esse tipo de besteira da Beatriz. Estudar para prova, por exemplo.
-Me coloca na forca, mas me faz estudar.
-Eu te ajudo se você quiser.
-Verdade?
-Sim.
Renata pegou seu material para estudar.
A menina e Alexandra foram para sala.

Vivendo na Escuridão-Capítulo 81

Alexandra percebeu que a filha estava triste.
-Agora vai fazer alguma coisa para melhor essa carinha.
Renata não disse nada.
-Preciso te falar uma coisa.
-O quê?
-Eu fiquei de recuperação em quase todas as matérias na escola e amanhã eu vou fazer a prova para ver se eu passo de ano.
-Deixa eu adivinhar: a Melissa está te acobertando em tudo isso.

Alexandra esboçou um sorriso.
-Na verdade eu já sabia que você estava de recuperação.
-Ela te falou?
-Não, desde o início do ano letivo eu converso com os seus professores para saber do seu rendimento escolar.
-Me desculpa se eu te decepcionei mais uma vez.
-Meu amor, por que pedir desculpas? Isso acontece com qualquer um.
-Enquanto a sua filha mais velha está no último ano da faculdade, eu corro o risco de não sair do Ensino Médio.