quinta-feira, 18 de outubro de 2012

Rehab-Capítulo 145

-Você precisa descansar.
-Eu não quero ficar sozinha.
-Você não vai, a Nathaly e o Jonas estão ai. - pela segunda vez ela chamava o meu pai pelo nome.
-Você vai para sua casa?
-Mas eu voltou mais tarde ou amanhã de madrugada.
-Vou te esperar.
-Deixei alguns livros na comoda ao lado da sua cama, lê um pouco.
-Tá.
-Se cuida. - ela me deu um beijo na testa.
Virei para o lado com muita dificuldade. Os meus olhos queriam fechar a qualquer custo. Acho que os remédios estavam fazendo efeito além do necessário.
Queria que esses dias que eu tivesse que ficar internada passassem o mais rápido possível.
Dormi.
-Ei, acorda. - ouvi alguém dizer.
-Só mais cinco minutinhos. - eu disse, ainda dormindo.
-Any, acorda. - percebi que era a voz da Alice.
-Acordei.
-Só te acordei para saber se você quer jantar.
-Quero.
Ela colocou a bandeja com a comida em cima da cama.
O celular da Alice não parava de tocar e ela não atendia nenhuma ligação.
-Por que você não atende o celular?
-Não tô afim.
-Quem é que está te ligando?
-O Bernardo.
-Vocês brigaram?
-Acho que sim.
-Agora eu entendi o motivo de você não querer voltar para casa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário